Presos são transferidos de pavilhão em Araraquara

Foi iniciada na manhã desta terça-feira, 11, a transferência de um grupo de detentos da Penitenciária de Araraquara para outros pavilhões, que já passaram por uma rápida reforma, com a concretagem dos buracos feitos para fuga, por exemplo. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), o número de presos removidos só será divulgado após o término da transferência.O presídio foi destruído na rebelião de 16 de junho e o espaço onde estão os presos ficou mais reduzido após uma tentativa de fuga ocorrida no último dia 3. A penitenciária tem cerca de 1.300 presos amontoados numa das quatro alas. Durante a tarde desta segunda-feira, 25 presos que necessitavam de cuidados especiais de saúde foram transferidos para outras unidades prisionais, não informadas por medida de segurança. O atendimento médico e a alimentação estão sendo feitos normalmente, segundo a SAP.Atualizado Às 16h13 para correção do número de presos que necessitavam de cuidados especiais de saúde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.