AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Presos se rebelam e matam agente em Manaus

O agente penitenciário José Valente Gama é a primeira vítima oficialmente confirmada da rebelião de presos iniciada na madrugada de hoje na Penitenciária Anísio Jobim, em Manaus. Mas, segundo informações dos próprios rebelados, outros agentes e alguns presos também estariam mortos. A rebelião, segundo os presos, foi causada pela revolta de parte dos detentos com a morte do homicida André Luiz Pereira de Oliveira, de 30 anos, ocorrida na noite de quinta-feira. Ele teria sido estuprado, torturado e espancado até a morte pelos carcereiros.Revoltados com a morte do presidiário e com as condições da Penitenciária Anísio Jobim, os detentos iniciarem a rebelião e, de acordo com as primeiras informações, aproveitaram para se vingar dos carcereiros suspeitos de terem matado André Luiz. A família do detento morto diz que há possibilidade de o crime ter sido encomendado.A Polícia de Choque do Amazonas foi chamada e estudava as condições de segurança para invadir o presídio. O corpo do agente José Valente Gama somente foi liberado por concessão dos próprios rebelados, que deram a entender que outro agente, Marcos, também já estaria morto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.