Presos se rebelam em Hortolândia

Os presos da Cadeia Pública de Hortolândia, na região de Campinas, estão rebelados e mantêm oito pessoas como reféns. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Assuntos Penitenciários, o motim começou após uma tentativa frustrada de fuga e envolve cerca de 150 presos. Há informações de que dois presos, acusados de delatar o plano de fuga, teriam sido mortos.

Agencia Estado,

08 de fevereiro de 2001 | 15h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.