Presos se rebelam em São José do Rio Preto

Cerca de 250 detentos da Cadeia Pública de São José do Rio Preto, a 450 quilômetros de São Paulo, iniciaram uma rebelião por volta das 8h desta manhã. O motivo do motim seria a transferência de um dos detentos para o presídio de Riolândia, na mesma região. Um agente penitenciário é mantido como refém. Os presos atearam fogo em colchões e destruíram algumas celas. Segundo primeiras informações da Policia Militar, o motim não teria ligação com o Primeiro Comando da Capital (PCC), organização criminosa que liderou rebeliões em 29 unidades de detenção do Governo do Estado de São Paulo no último domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.