Primeiras UPPs do Complexo do Alemão começam a funcionar hoje

Duas unidades vão funcionar nas comunidades da Fazendinha e da Nova Brasília, onde moram cerca de 40 mil pessoas

18 Abril 2012 | 07h36

atualizado às 15h

SÃO PAULO, 18 - As duas primeiras Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do Estado do Rio de Janeiro, no Complexo do Alemão, zona norte da cidade, de acordo com informações da Polícia Militar, foram inauguradas na manhã desta quarta-feira, 18.

As duas UPPs vão funcionar nas comunidades da Fazendinha e da Nova Brasília, onde moram cerca de 40 mil pessoas. O local escolhido para sediar a UPP Nova Brasília foi a Estação Itararé do Teleférico. Já a UPP Fazendinha ficará localizada na Rua da Assembléia, próximo a Estação Palmeiras do Teleférico, de acordo com a PM.

O local está ocupado pela Força de Pacificação desde o dia 28 de novembro do ano passado e por policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e de Choque (BPChq) desde 28 de março deste ano. O capitão Marcio Rodrigues vai comandar a tropa da UPP Nova Brasília e a unidade Fazendinha ficará estará sob responsabilidade do capitão Ronaldo Salgado Claudino. Ao todo, 660 policiais fazem parte do efetivo das UPPs.

A UPP Fazendinha atenderá, além da Fazendinha, as sub-comunidades Relicário, Palmeirinha, Morro das Palmeiras, Vila Matinha, Parque Alvorada e Casinhas. Já a UPP Nova Brasília também será responsável pelo policiamento das localidades Ipê Itararé, Mourão Filho, Largo Gamboa, Cabão, Joaquim de Queiroz, Loteamento, Prédios, Aterro I e Aterro II.

Participarão da inauguração das duas primeiras UPPs do Complexo do Alemão o governador Sérgio Cabral, o secretário de Estado de Segurança, José Mariano Beltrame, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Erir Ribeiro Costa Filho, e o comandante da Coordenadoria de Polícia Pacificadora, coronel Rogério Seabra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.