Primeiro eleito governou como regente de d. Pedro II

O primeiro brasileiro eleito para governar o País foi um padre, Diogo Antônio Feijó. Sua ascensão, em 1835, foi pontual: D. Pedro I abdicara e o príncipe-herdeiro ainda era menor de idade. Feijó recebeu 2.828 votos, derrotando Holanda Cavalcanti (que teve 2.251 votos). O regente governou em um contexto político sem partidos organizados e ficou no poder apenas dois anos. Discreto, Feijó defendia que a ordem constitucional fosse mais forte que os títulos nobiliárquicos.

, O Estado de S.Paulo

30 Outubro 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.