Primo de diretor do Denarc é preso por extorsão

A Corregedoria da Polícia Civil deteve José Cayres Porto, ex-agente da corporação e primo em segundo grau de Ivaney Cayres de Souza, que é diretor do Departamento de Narcóticos (Denarc). Porto foi preso juntamente com um grupo de policiais e informantes acusados de extorquir dinheiro de traficantes. De acordo com a corregedoria, não há nenhuma ligação de Ivaney com o esquema.Entre os detidos estão o investigador Rayamberson Assis Nogueira, do 50º DP, e o PM Artur Antônio Rodrigues Maria, do 13º Batalhão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.