Procurador quer mudar lei para punir corrupção

DISTRITO FEDERAL

, O Estado de S.Paulo

28 Setembro 2010 | 00h00

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel (foto), e o ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Jorge Hage, defenderam uma reforma na legislação processual penal para permitir a aplicação de punições efetivas aos envolvidos em crimes de corrupção. Ontem, na assinatura de protocolo de cooperação técnica entre as instituições, eles afirmaram que o excesso de garantias na lei aumenta a sensação de impunidade. "O garantismo exacerbado da legislação esquece que à sociedade é devida a efetividade da tutela penal", afirmou Gurgel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.