Procuradoria do RJ vai recorrer de pedido de intervenção

A Procuradoria-Geral do Estado do Rio vai recorrer ao SupremoTribunal Federal (STF) da decisão da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que julgou procedente o pedido deintervenção federal no Rio por descumprimento de ordem judicial para o pagamento de precatório.?O governo do Estado está pagando os precatórios que foram suspensos, em 1995, pelo governo anterior. No entanto, asolicitação de intervenção no Rio não nos surpreende, pois os pedidos de intervenção nos Estados ultrapassam três mil?, afirmouo governador Anthony Garotinho.O pedido de intervenção federal havia sido feito pelo ex-gerente de banco Waldemar Cardoso de Sá, que ficou paraplégico numtiroteio entre policiais e assaltantes que invadiram a agência bancária onde ele trabalhava, em maio de 1997. O precatório tinhavalor aproximado de R$ 25 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.