Damian Dovarganes/AP
Damian Dovarganes/AP

Produtor de 'Survivor' é preso nos EUA acusado de matar a esposa brasileira

Crime ocorreu em abril; autoridades mexicanas apontam Beresford-Redman como principal suspeito

Efe

17 Novembro 2010 | 04h38

LOS ANGELES - O produtor de televisão americano Bruce Beresford-Redman, da série "Survivor", foi preso na terça-feira, 16, na Califórnia acusado do homicídio de sua esposa brasileira no México.

Segundo informou o FBI (Polícia Federal americana) à emissora local KTLA, a prisão ocorreu depois de um juiz dos EUA ter assinado uma ordem de detenção na última sexta-feira.

O produtor passará a noite no centro de detenções metropolitano da cidade de Los Angeles, onde aguardará por sua apresentação na Corte, prevista para esta quarta-feira.

Segundo as autoridades do estado mexicano de Quintana Roo, Beresford-Redman é tido como o autor do assassinato de sua esposa, a ex-modelo brasileira Mônica Burgos, ocorrido no início de abril em Cancún.

O assassinato da brasileira ocorreu no luxuoso hotel Moon Palace, cidade que Beresford deixou sem permissão da Polícia no final de maio. Ele alega ser inocente.

A promotoria de Quintana Roo emitiu uma ordem formal de detenção contra o produtor, que foi seguida pelo início do pedido para sua extradição.

As autoridades mexicanas tinham solicitado que o produtor permanecesse no México enquanto continuavam as investigações, mas seu advogado, Richard Hirsch, disse que Beresord-Redman "retornou a Los Angeles para ficar com seus filhos e para atender assuntos familiares e pessoais".

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.