Professor da rede estadual é morto a tiros na Marginal do Pinheiros

Um professor da rede pública estadual foi morto a tiros na noite de anteontem na Marginal do Pinheiros, zona sul de São Paulo. O corpo de Ricardo Nogueira Antonini, de 45 anos, foi encontrado na pista expressa sentido Interlagos-Jaguaré, próximo da Ponte Roberto Zuccolo, por volta das 21h30. A carteira dele, com R$ 154 em dinheiro, não foi roubada. Antonini levou três tiros na região do quadril e apresentava escoriações no peito. Ao lado do professor foi encontrado um capacete e, cerca de 150 metros à frente, um revólver calibre 38, com numeração raspada e seis balas usadas. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima é dona de uma moto Kasinski azul 250 cilindradas, que teria sido roubada no momento do crime. O caso foi registrado no 15º Distrito Policial (Itaim-Bibi). O crime é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O professor tinha duas passagens pela polícia - uma por injúria e outra por roubo. A primeira foi resultado de uma discussão. A outra porque Antonini vendeu um carro, não recebeu e tentou retomar o veículo ameaçando o comprador com uma arma."Não é um perfil criminoso padrão. Temos de olhar com cuidado essa ficha criminal", afirmou o delegado Marcos Carneiro Lima, divisionário do DHPP. "Se a arma encontrada for dele, o caso se torna mais complexo", disse. "Mas pode ter sido uma tentativa de roubo ou mesmo uma briga de trânsito, que resultou em um homicídio", completou Carneiro.Ainda não foram encontrados suspeitos. "A maior preocupação agora é saber o que ele fazia no local. Se era parte da rotina dele, se avisou alguém ou se estava fazendo alguma atividade que possa ter levado ao crime", disse Carneiro. Três das cinco faixas da Marginal do Pinheiros ficaram interditadas para a realização de perícia, o que resultou em congestionamento de dois quilômetros. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a via foi liberada à 1h50.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.