Professor de artes marciais mata morador de rua a facadas no ES

Homem, de 29 anos, se entregou à polícia e confessou o crime; ele seria usuário de drogas

João Paulo Carvalho, estadão.com.br

15 Agosto 2011 | 16h55

SÃO PAULO - Um professor de artes marciais matou um morador de rua a facadas em Vila Velha, no Espírito Santo, na tarde deste domingo, 14, por volta das 14 horas. O homem, de 29 anos, se entregou à polícia e confessou o crime. Segundo a Polícia Militar, o rapaz alegou que estava sendo perseguido pelo morador de rua. Ainda de acordo com informações da PM, o professor era usuário de drogas.

 

O homem disse que na noite do último sábado, 13, saiu para usar drogas e se sentou ao lado do morador de rua. Ele afirmou que se negou a dividir o entorpecente que estava usando.

 

Em seguida, o morador teria armado uma emboscada para o professor. Eles discutiram e o homem deu mais de 10 facadas na vítima, que não resistiu aos ferimentos e morreu.

 

O professor foi levado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), ouvido e liberado em seguida porque se apresentou livremente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.