Professor é morto dentro de escola em frente à filha

O professor Paulo Machado de Rezende, de 37 anos, foi assassinado hoje com um tiro na nuca, em frente à filha de oito anos, dentro do colégio Visão, no bairro Dirceu Arcoverde, em Teresina. Dois rapazes não identificados, usando farda do colégio, entraram na escola, renderam o professor e dispararam um tiro à queima-roupa. Paulo Rezende foi socorrido por populares, mas morreu ao dar entrada no Hospital Getúlio Vargas, no centro de capital. O crime aconteceu no horário das aulas noturnas.O professor era casado com a diretora do colégio, Corina Maria de Sousa Cerqueira. Segundo o delegado Osvaldo Lemos, do 8º Distrito Policial, o crime tem todas as características de pistolagem, pois os assassinos levaram apenas a bolsa do professor. Lemos disse que hoje era dia de pagamento e os bandidos deixaram um pacote com mais de R$ 3 mil em cima da mesa. O delegado informou que o professor vinha sofrendo ameaças de morte e já tinha registrado queixa na delegacia do bairro. Paulo Rezende era coordenador pedagógico do Colégio Visão e também era professor da rede estadual de ensino. Ele era coordenador da 18ª Regional da Secretaria de Estadual de Educação, que funciona no bairro Dirceu Arcoverde. O professor foi atingido com um tiro de revólver calibre 38. Os dois suspeitos, que estão foragidos, têm aproximadamente 25 anos. Lemos disse ter chegado à conclusão de que não se trata de aluno do colégio. Os assassinos fugiram num automóvel Gol cinza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.