Professores decidem manter greve até quarta-feira

Por volta das 17h40 terminou a manifestação dos professores em frente a Prefeitura. Mais de 10 mil professores partiram em passeata do vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp) até a sede da Prefeitura de São Paulo, no Vale do Anhangabaú. Eles percorreram toda a rua da Consolação, no sentido centro, até chegarem à sede da Prefeitura. Em assembléia, os professores decidiram que permanecerão em greve pelo menos até quarta-feira , 12, quando haverá nova assembléia e manifestação em frente à Secretaria de Gestão. O Sindicato dos Professores pede para que os salários da categoria, no início de carreira, suba de R$ 509,00 para R$ 960,00 por mês. Já os professores de nível superior pedem aumento de R$ 615,00 para R$ 1.159,00.A categoria ainda pede que o aumento seja estendido para os profissionais que trabalham na manutenção das escolas. Eles querem que o valor suba de R$ 457,00 para R$ 960,00. A Prefeitura ainda não ofereceu nenhuma proposta de reajuste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.