Programa Farmácia Popular é estendido à rede privada

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participa nesta quinta-feira (23), às 15h30, no Palácio do Planalto, da cerimônia de extensão do programa Farmácia Popular do Brasil às farmácias e drogarias privadas. Com a adesão das redes comerciais, alguns medicamentos para hipertensão e diabetes serão vendidos, nesses estabelecimentos, com preços até 90% menores que os cobrados hoje.Desta forma, serão beneficiados diretamente cerca de 11,5 milhões de pessoas. Inicialmente serão oferecidas cerca de 200 apresentações de medicamentos para hipertensão e diabetes, com oito princípios ativos diferentes. Na farmácia, o paciente deve apresentar a receita médica (válida por 180 dias), e o CPF.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.