Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Projeto Casa da Criança reforma mais quatro creches

De Recanto Primavera não tinha nada o espaço onde 130 crianças e jovens da Favela de Paraisópolis se reuniam para aulas de arte e reforço escolar. Agora, a casa, inteiramente reformada, faz jus ao nome. Salas de aula, biblioteca, refeitório, consultórios médico e dentário, cozinha, despensa, jardim, palco, camarins - cada um desses ambientes foi refeito por 37 arquitetos de São Paulo e está de cara nova. "Obrigado a vocês que dispuseram do seu tempo, trabalho e amor para nos dar a oportunidade de ter mais qualidade em nossa proposta educacional", discursou a estudante Rouse Rafaela Santos de Oliveira, de 15 anos, para uma platéia de arquitetos emocionados. De manhã, ela vai à escola e à tarde e à noite faz dança e teatro no Recanto Primavera, que freqüenta desde os 6 anos. A reforma do Recanto Primavera, instituição que existe há 11 anos e é mantida pela Associação Santo Agostinho, faz parte de um projeto de responsabilidade social criado pelo Projeto Casa da Criança - uma ação do Instituto Ayrton Senna com os arquitetos Patrícia Chalaça e Marcelo Souza Leão. Patrícia terminou o seu agradecimento a engenheiros, arquitetos, fornecedores e operários que participaram do projeto citando o baiano Raul Seixas, aos prantos: "Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só. Sonho que se sonha junto é realidade." A presidente do Instituto Ayrton Senna, Viviane Senna, também falou na alegria de "contemplar um sonho transformado em realidade". "A gente sente em cada cantinho mais do que foi pedido, mais do que era esperado. Este lugar é um exemplo do País que deu certo. Não precisamos virar governo, assistentes sociais ou mudar de profissão. Basta que cada um faça o que sabe fazer." DesafioPara cada arquiteto, um desafio. O espaço do consultório médico era tão pequeno - 5,60 m2 - que os móveis tiveram de ser feitos sob medida para que os produtos de linha do mercado não roubassem centímetros preciosos. A poesia Dentaduras Duplas, de Drummond, impressa em vidro, é uma das atrações da Dentilândia, bem ao lado do refeitório. "Procuramos transformar uma simples pia de banheiro em um espaço brilhante, com humor e cores, que inspire as crianças a cuidar da higiene antes e depois das refeições", explica o arquiteto Márcio Massa. Além da casa no Morumbi, o Projeto Casa da Criança entregou ontem a Creche Santo Antonio, na Saúde, o Centro Educacional Infantil do Belém e a Casa Abrigo Santana. Todos reformados e embelezados. Criado em 1999, o projeto já reformou 12 unidades em nove cidades, beneficiando cerca de 2 mil crianças e jovens. O projeto parece uma mostra de decoração tradicional. Cada construtora "adota" e se responsabiliza por uma casa e faz a reforma completa da estrutura. Depois, arquitetos e decoradores mudam cada ambiente.

Agencia Estado,

13 de novembro de 2002 | 06h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.