Promotor de Justiça sofre atentado em São Paulo

André Luís Brandão, único promotor de Justiça de Miguelópolis, foi vítima de atentado na madrugada de hoje, na rodovia William Amin, quando seguia de Ituverava, onde havia participado de um jantar, para sua cidade. Brandão disse a uma emissora de rádio de Ribeirão Preto que seguia pela rodovia, por volta de 2h20 da madrugada, quando foi surpreendido por dois homens que o aguardavam no trevo do distrito de São Benedito da Cachoeirinha.Os dois o perseguiram por cerca de três quilômetros, mas quando os carros estavam emparelhados ele freou seu carro bruscamente. Mesmo assim, dois tiros disparados pelos ocupantes do outro carro entraram em seu veículo e atingiram o vidro dianteiro do lado direito. O promotor contou ainda que chegou virar o carro em sentido contrário e a disparar dois tiros contra os agressores, mas eles fugiram. Por sofrer ameaças, Brandão anda sempre armado, com colete à prova de balas e com um rádio comunicador ligado com a Polícia Militar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.