Promotor que investiga o PCC é baleado

O promotor de Justiça Roberto Porto foi baleado hoje quando saía de um clube em São Paulo. Quatro homens num carro preto dispararam contra o promotor, que foi atingido na perna e levado ao hospital Albert Einstein. Ele foi medicado e liberado para prestar depoimento na polícia na tarde desta segunda-feira.O promotor, que integra o Grupo de Ação Especial contra o Crime Organizado, é um dos responsáveis pelas investigações sobre a máfia chinesa e o PCC, organização criminosa que atua nos presídios paulistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.