Protesto contra aumento do ônibus é demagogia, diz Marta

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), classificou hoje de demagogia a iniciativa da Força Sindical e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo de entrar com ação na Justiça contra o reajuste da tarifa de ônibus para R$1,40. "A Força Sindical continua com sua atitude demagógica e não vê que a cidade fez uma economia de R$ 30 milhões com o término dos subsídios, dinheiro que não resultava em nenhum benefício para população." Marta disse ainda que considera o preço da nova passagem condizente com os custos do sistema de transporte público. "Nós achamos justo este preço na medida em que eles (donos das viações) se comprometeram a realizar melhorias no transporte público", declarou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.