PS socorre idosa que tinha larvas de mosca na boca

Uma idosa foi levada às pressas hoje pela manhã ao PS Central de Praia Grande com a boca infestada por larvas de mosca. Isabel Margarida de Oliveira, de 72 anos, é moradora de um asilo na mesma cidade. Após vistoria, o local foi parcialmente interditado. Isabel chegou inconsciente ao PS Central. Um rápido exame deixou atônita a equipe médica que a atendeu: ela estava com dezenas de larvas de mosca varejeira se desenvolvendo na boca. Depois de um trabalho de limpeza, ela se recuperou. Mesmo sem conseguir falar, a idosa se comunicou com a médica de plantão, que preferiu não se identificar. Uma das enfermeiras desmaiou e outra teve náuseas durante o atendimento. Isabel tem um câncer na boca em estado avançado e, costumeiramente, utiliza uma máscara. As suspeitas são de que, em um momento em que ela retirou o equipamento e se distraiu, a mosca tenha colocado os ovos. Policiais civis, representantes do Conselho Municipal do Idoso e da Vigilância Sanitária da Praia Grande se deslocaram até o Lar dos Idosos Universo, localizado na Vila Tupiry. Após uma inspeção, o asilo foi interditado parcialmente, já que não ficou comprovado que ali existam maus tratos. A dona do Lar dos Idosos Universo, Vera Lúcia do Nascimento, não quis dar entrevista. A Delegacia Sede de Praia Grande, em Vila Tupi, registrou um boletim de ocorrência. Agora, os policiais vão apurar os fatos, na tentativa de encontrar os responsáveis pelo que aconteceu.

Agencia Estado,

07 de março de 2004 | 17h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.