PSDB diz que ainda não foi notificado das ações

O governador Geraldo Alckmin preferiu não comentar as ações e a doação de R$ 700 mil da UTC Engenharia e orientou a reportagem a procurar o PSDB de São Paulo. A assessoria jurídica do partido, responsável pelo comitê financeiro que recebeu as doações supostamente ilegais, informou que ainda não foi notificada das ações e que, quando conhecer a "íntegra dos questionamentos", irá apresentar sua defesa.

, O Estado de S.Paulo

12 de janeiro de 2011 | 00h00

A assessoria de imprensa do senador eleito Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), que recebeu doações de campanha da UTC e da Interfarma, enviou nota em que afirma que "as contas da campanha foram aprovadas sem ressalvas".

Sobre a doação de R$ 100 mil da Interfarma, a assessoria afirmou que a campanha fez um levantamento sobre a possibilidade de receber da entidade e que "ficou entendido que era possível. Geraldo Vinholi (PSDB)_ também disse que suas contas de campanha foram aprovadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.