PT acerta ida de Mercadante ao Senado para depor

A bancada do PT no Senado se articulou para tentar abafar a repercussão das denúncias contra o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante. A estratégia é levá-lo à Comissão de Assuntos Econômicos do Senado na próxima semana, considerada um foro seguro e oportuno à defesa do ministro, apontado em reportagem da revista Veja como um dos protagonistas do "escândalo dos aloprados". Os petistas avaliam que Mercadante será bem acolhido na Casa, onde cumpriu mandato até 2010 e chegou a presidir a Comissão de Assuntos Econômicos - hoje sob comando do também petista Delcídio Amaral (MS). A audiência está agendada para terça-feira.

Andrea Jubé Vianna, O Estado de S.Paulo

22 de junho de 2011 | 00h00

Escaldados pelo episódio que levou à derrocada do ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci, os petistas consideram que o silêncio sobre as denúncias não é a melhor estratégia e aconselharam Mercadante a não se calar.

Hoje, o líder do PSDB na Câmara, Duarte Nogueira (SP), vai protocolar representação no Ministério Público Federal requerendo a reabertura das investigações sobre o caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.