PT entra com representações para investigar Rodoanel

Parlamentares das bancadas estadual e federal do PT entraram hoje no Tribunal de Contas da União (TCU) e na Procuradoria Geral da República com duas representações contra o governo de São Paulo para que sejam investigadas supostas irregularidades na construção do Rodoanel.Os deputados alegam que a lei só permite aditivos de até 25% e não 70% como foi concedido pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). Os parlamentares estiveram com o procurador geral da República, Geraldo Brindeiro, a quem entregaram uma representação pedindo a investigação, já que parte dos recursos são do governo federal."Pelo menos dois terços do dinheiro está sendo usado no Rodoanel é da União", afirmou o deputado estadual Emídio de Souza. "A obra é importante e a bancada do PT ajudou na liberação dos recursos, mas não podemos fechar os olhos para as irregularidades", disse o líder do partido na Assembléia Legislativa, Carlinhos Almeida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.