PT vai pedir à PF investigação sobre invasão de site

O presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), disse nesta quarta-feira, 23, que orientou a Assessoria Jurídica do partido a encaminhar representação à Polícia Federal pedindo que investigue a invasão da página do PT na internet por um grupo de hackers, que se intitula "Bios Team". Na invasão, o grupo afirma que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva é "praticamente uma maldição" acompanhada de "sete pragas".Berzoini disse que a página do PT já havia sido atacada duas vezes, mas os invasores não tinham conseguido derrubá-la. Desta vez, o PT tirou a página do ar pouco depois da invasão.O conteúdo do grupo invasor terminava com a frase "Voto no 45". O número 45 é o do PSDB, do candidato presidencial Geraldo Alckmin, mas Berzoini afirmou que isso não significa qualquer envolvimento do PSDB com o ataque. No entender do presidente do PT, a invasão pode ter sido gesto de alguém contratado por alguma campanha eleitoral, mas também pode ter sido uma brincadeira, ou, ainda, um simples "treinamento".Berzoini contou que, na internet, também a página da campanha do presidente Lula pela reeleição foi alvo de três tentativas de invasão. Em duas oportunidades, houve tentativa de derrubada da página, e outra foi uma tentativa frustrada de fazer alterações no conteúdo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.