Punk preso: ''''Francês foi o primeiro que apareceu''''

O punk Genésio Mariuzzi Filho, o Antrax, de 23 anos, disse que matou o turista francês Grégor Erwan Landouar, de 35, para descontar nele uma surra que levara de uma gangue rival. Antrax pertence ao grupo Devastação Punk, cujos integrantes são fãs do filme Laranja Mecânica. No filme, um grupo de jovens pratica atos de violência gratuita. Landouar levou uma facada. O punk disse que só queria feri-lo e negou tê-lo acatado por pensar que ele fosse homossexual.O crime ocorreu em 10 de junho, depois da Parada do Orgulho GLBT, nos Jardins, na zona sul. ''''Ele disse que sua turma havia entrado em confronto com um grupo rival nos Jardins e levado a pior. Então, decidiram descontar no primeiro que aparecesse'''', disse o delegado Antônio Carlos Araújo, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.Antrax foi detido anteontem. Outros dois punks são acusados de ajudá-lo no caso do francês - um já está preso, mas o nome não foi revelado. A polícia vai mapear os integrantes do Devastação Punk e não descarta a possibilidade de acusá-los de formação de quadrilha.

Marcelo Godoy, O Estadao de S.Paulo

07 de agosto de 2003 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.