Quadrilha de estelionatários é presa no Rio Grande do Sul

Bando usava nomes de pessoas mortas para emitir cheques e fazer compras no Vale dos Sinos

estadão.com.br,

04 Abril 2012 | 17h32

SÃO PAULO - Seis pessoas foram presas nesta quarta-feira, 4, sob suspeita de integrar uma quadrilha de estelionatários que atuava no Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul. Entre os presos estão cinco homens e uma mulher.

Nesta manhã, policias civis localizaram o depósito onde eram guardadas as mercadorias roubadas pelos criminosos. No local foram apreendidos diversos objetos eletrônicos, notebooks, celulares, bebidas, veículos, além de documentos e talões de cheques roubados.

A quadrilha usava nomes de pessoas já falecidas para emitir documentos como cheques para fazer compras no comércio da região. Os presos foram indiciados por estelionato, formação de quadrilha e falsidade ideológica. Todos foram encaminhados ao sistema prisional de Porto Alegre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.