Quadrilha disfarçada de policiais federais rouba sacoleiros

Uma quadrilha usou coletes da Polícia Federal para assaltar um ônibus de sacoleiros, que chegava do Paraguai, na madrugada hoje, na região de São Carlos. As 17 vítimas informaram à polícia que seis homens participaram da ação, mas apenas três foram detidos pela PM de São Carlos ainda pela manhã. A PM descobriu os três assaltantes ao procurar nos canaviais pelo telefone celular de uma das vítimas. O trio estava com a mercadoria num caminhão. A mercadoria, avaliada em cerca de R$ 100 mil, foi apreendida e, se não tiver notas fiscais, não será liberada. O disfarce usado pelos assaltantes é o mesmo dos sequestradores do publicitário Washington Olivetto.Os sacoleiros eram de várias cidades da região de São Carlos: Mococa, Descalvado, São José do Rio Pardo, entre outras. Às 5h30, três homens, com coletes da PF e usando um Gol branco, abordaram o ônibus da empresa Lopes Tur, de Guaranésia (MG), em Bocaina e, pouco depois, ao entrarem no ônibus, armados, anunciaram o assalto. Os passageiros foram levados para os fundos, enquanto um integrante da quadrilha dirigiu o ônibus até um canavial, perto do quilômetro 176 da Rodovia Luís Augusto de Oliveira (SP-215), que liga São Carlos a Ribeirão Bonito. Lá, outros três assaltantes os aguardavam.Nesse intervalo, a PM já tinha sido avisada e iniciou a procura. A quadrilha transferiu a carga para um caminhão e retirou uma peça do motor do ônibus, deixando todos ali. A PM, porém, suspeitou do caminhão e prendeu três deles: Leocildo Carlos Nogueira, de 32 anos, José Pereira Lima, de 32, e Sidney Rateiro, de 22, todos de São Carlos, onde ficarão presos. Com o trio, só uma réplica de pistola semi-automática foi encontrada, mas as vítimas afirmaram que existiam outras armas com o bando.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.