Prefeitura de Bariri
Prefeitura de Bariri

Quadrilha dispara com fuzis e explode agência bancária em Bariri

Ao menos 20 cápsulas dos projéteis das armas foram recolhidos em frente à agência; assaltantes também dispararam contra a fachada de outro banco

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

09 de dezembro de 2017 | 13h48

SOROCABA – Criminosos usaram dinamites para explodir dois caixas eletrônicos de uma agência do banco Santander, na madrugada deste sábado, 9, em Bariri, interior de São Paulo. A explosão causou danos ao prédio da agência e assustou os moradores. Os assaltantes também dispararam contra a fachada e as portas de vidro de outro banco, localizado na mesma rua, na região central da cidade. Ninguém se feriu.

A quadrilha fugiu com o dinheiro, mas o valor roubado não foi informado. Até o início da tarde, nenhum suspeito tinha sido preso.    

O ataque aconteceu por volta das 3 horas e, acordo com a Polícia Militar, o grupo estava armado com fuzis. Ao menos 20 cápsulas de projéteis dessa arma foram recolhidos em frente à agência. Um dos carros usados na fuga foi abandonado numa rodovia, próximo da cidade. O veículo havia sido furtado em Campinas, também no interior.

A assessoria do Santander informou que o banco colabora com a investigação da polícia.

Esse foi o quarto assalto a bancos, esta semana, no interior. No domingo, 3, criminosos explodiram uma agência do Bradesco em Guapiara. Na última quinta-feira, 7, foram atacadas agências do Banco do Brasil, em Sorocaba, e do Santander, em Guatapará. Nessa cidade, a carga de explosivos usada para arrombar os caixas eletrônicos causou o desmoronamento do prédio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.