Quatro manifestantes presos em greve de ônibus

A prisão de quatro manifestantes - um deles menor -, nesta segunda-feira à tarde, quase provocou um confronto entre militantes do Sindicato dos Condutores e PMs.Na frente da Prefeitura, na região central de São Paulo, os policiais prenderam os militantes, que estavam furando os pneus dos ônibus e quabrando as janelas dos coletivos.Às 17h10, o Terminal do Parque Dom Pedro, um dos maiores da cidade, foi fechado por piqueteiros. Foi firmado um acordo com a PM para que os ônibus fiquem estacionados ao lado do prédio da Prefeitura, e duas faixas sejam liberadaspara o trânsito. Não está ainda descartada uma greve até as 10 horas desta terça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.