Que pena: e é tudo verdade

Não sei se a coluna aceita queixas genéricas ou só sobre um assunto determinado, mas preciso reclamar: dos motoristas que não sei se são distraídos, mal-educados ou simplesmente burros, que nos bloqueiam a 20 km/hora na faixa esquerda de ruas e avenidas; dos políticos (75% deles, sou generosa) que, pós-CPMF, tentam nos fazer engulir uma CSS que, sabemos todos, jamais será aplicada na compra de esparadrapo ou de uma aspirina, mas nos bois voadores e manicures de nossos indignos representantes; na insistência em não educar o povo, para manter os currais eleitorais; nas maracutaias dos sindicalistas; nas desculpas da Telefônica e telefonia celular, Eletropaulo, tevês a cabo, Sabesp, CET e outras empresas, que afirmam que o serviço ?consta como feito? quando sabemos que não o foi; das fraudes do Detran (e recursos indeferidos, multas descabidas e roubalheiras); da falta de educação, informação e preparo das pessoas que nos atendem nos telefones dos serviços públicos, esquecendo que somos nós que pagamos os seus salários - e que polidez (ainda) não paga imposto; dos postos de saúde (generalizo, que os há bons), que nos recebem como se estivessem nos fazendo um favor, quando também somos nós que os pagamos; dos planos de saúde, que nos cobram os olhos da cara para, na hora de maior necessidade, avisar que ?uma clásula do contrato? não nos dá direito a cobertura; e das empresas aéreas, que cancelam vôos sem prévio aviso, nos fazendo perder compromissos e ainda por cima somem com a nossa bagagem.R.A.R - Capital (omitam meu nome, pelo amor de Santa Rita de Cássia)Carta 19.734... e mais desmentidos Há 6 meses já (carta 20/5) há uma colmeia no poste diante do meu prédio, Rua Oscar Pereira da Silva, Itaim Bibi. O CCZ e oa bombeiros atenderam prontamente ao chamado, mas por ser poste com transformador quem tem de resolver é a Eletropaulo. Sou alérgico a picadas de abelha e temos um bebê. MOYSES CHEID JUNIORItaim BibiA Eletropaulo responde:"Estivemos no local em fevereiro e março para retirar as abelhas. O leitor confirma."O leitor comenta: "Mentira, já abri três chamados, mas eles nunca vieram".A Eletropaulo insiste em dizer que "a visita mais recente foi em 24/5, quando a equipe falou com o porteiro, Valdenize. que ligou para o leitor informando que as abelhas haviam sido retiradas há tempo", mas o leitor repica que "não há nenhum porteiro chamado Valdenize, o nome do zelador é João. A coméia nunca foi retirada, quando ligo para pedir que irem dizem que tem de ser à noite, com a luz desligada, mas isso não ocorreu.A resposta da Sabesp à minha carta Calçada ocupada, dia 3, sobre tampa de bueiro, não condiz com a verdade ao dizer que o local não tinha problemas. No dia 19 a tampa estava igual, mas dia 26 vi que consertaram, porque se vê a diferença de cor do cimento e uma ripa de madeira separa tampa e base.MAURO RIBEIRO GAMEROCapitalEm 31/3, migrei o plano da Telefônica para Fale à vontade e Speedy 1 mega em dobro. Eu pagava R$ 99,25 e pagaria R$ 49,80 por 3 meses (depois R$ 94,80), mas em maio cobraram R$ 109,68 pelos dois serviços. A atendente disse que a promoção de R$ 49,80 é só para clientes novos e que o valor certo seria R$ 94,80, mas não soube explicar a razão dos R$ 109,68. Abri protocolo para análise, e se a conta estiver errada, o valor será devolvido em 90 dias. Se eu não pagar, cobram com multa e cortam a linha, mas se cobram a mais não há penalidade?MARCUS VOLTIS BULACHValinhos/SP A Telefônica responde:"A situação foi regularizada sem ônus financeiro para o cliente, a quem contatamos e pedimos desculpas pelo transtorno."O leitor comenta:Resposta mentirosa! Fui contatado em 29/5 apenas devido à carta enviada pelo jornal. A atendente reconheceu o erro e prometeu devolução do valor em dobro na conta de julho, pois a de junho já fechou (levaram 20 dias para descobrir o erro). Mas houve propaganda enganosa, pois prometeram R$ 49,80 por 3 meses pelo Speedy e Fale à vontade, mas omitem que a cobrança da assinatura mensal de R$ 38,80 continua. Como uso pouco o telefone, o plano não me é vantajoso. Em 3/6 recebi carta da empresa dizendo que ?analisaram a queixa e não identificaram anormalidade?, mas, ?excepcionalmente?, vão reembolsar o valor contestado. Enviarão a 2.ª via da conta com o valor deduzido e o prazo de pagamento prorrogado. Acredito na atendente ou na carta?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.