Erbs Jr./Frame/AE
Erbs Jr./Frame/AE

Queda de árvore mata motorista de van no Rio

Cidade foi atingida por temporal e ventos de até 93 km/h na manhã desta segunda; chuvas complicaram o trânsito e afetaram a circulação dos trens e do metrô

Marcelo Gomes, O Estado de S. Paulo

06 Maio 2013 | 08h53

Atualizado às 12h20

RIO - Pelo menos uma pessoa morreu em decorrência do temporal que atingiu o Rio de Janeiro na manhã desta segunda-feira, 6. O motorista Ronaldo Gonçalves estava dentro de uma van que foi atingida por uma árvore que caiu na Avenida Marechal Floriano, no centro. A vítima chegou a ser levada ao Hospital Municipal Souza Aguiar, mas não resistiu. A Secretaria Municipal de Saúde informou que Gonçalves teve fraturas no fêmur e na bacia.

A forte chuva que caiu sobre a cidade deixou  a capital em estágio de atenção desde as 6h05, segundo o Centro de Operações da Prefeitura. O temporal veio acompanhado de rajadas de vento, que derrubaram diversas árvores e causam complicações no trânsito. O Centro de Operações da Prefeitura registrou que o vento chegou a 93Km/h na estação do Forte de Copacabana, na zona sul, na manhã desta segunda-feira. A estação do Aeroporto Santos Dumont, no centro, registrou ventania de 58Km/h e a estação Jacarepaguá, na zona oeste, teve ventos de 68Km/h.

Devido à queda de uma árvore na linha 2 do metrô, por volta das 7h30, a circulação foi interrompida entre as estações Pavuna e Colégio. A operação foi restabelecida por volta das 8h. As estações da linha 2, no entanto, estão lotadas. Já a linha 1 opera normalmente, informou o Metrô Rio.

Os trens dos ramais Japeri e Belford Roxo circulam com velocidade reduzida devido ao mau tempo. Algumas composições estão partindo com atraso, de acordo com a SuperVia. Passageiros relatam que há estações e composições partindo lotadas.

A circulação do teleférico do Complexo do Alemão, na zona norte, também está suspensa, segundo a concessionária.

Os aeroportos Santos Dumont, no centro, e Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, zona norte, operam com auxílio de instrumentos.

Trânsito.Quedas de árvores deixam o trânsito congestionado nas principais vias da cidade. Na Barra da Tijuca, duas das três faixas da Avenida Ayrton Senna, na pista sentido Linha Amarela, na altura da Gardênia Azul, estão interrompidas ao tráfego devido à queda de uma árvore.

A pista sentido Barra da Tijuca da Linha Amarela está congestionada em toda a sua extensão, desde o entroncamento com a Linha Vermelha até a Barra, devido ao excesso de veículos no horário e também porque os motoristas reduzem a velocidade na altura da Gardênia Azul para ver os estragos da queda da árvore no sentido oposto.

Uma árvore caiu no Boulevard Vinte e Oito de Setembro, na altura da Rua Pereira Nunes, em Vila Isabel, zona norte. O trânsito está interditado na pista da direita da via. Outra árvore caiu sobre uma van na Avenida Marechal Floriano, no Centro, e interditou a via entre a Rua Visconde da Gávea e a Rua Tomé de Souza. Na Lagoa, outra árvore caiu sobre um ponto de ônibus na Avenida Borges de Medeiros, na altura do clube Monte Líbano.

No Centro, trecho da Rua México, na altura da Rua Santa Luzia, no Centro, também está interditado devido à queda de árvore na via. Na Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, uma das principais vias de ligação da zona oeste com a zona norte da cidade, duas árvores caíram na pista sentido Jacarepaguá (zona oeste). Neste momento, o trânsito está parado em grande trecho da pista sentido zona norte, devido ao excesso de veículos.

Alguns trechos do BRT TransOeste (corredor expresso de ônibus articulados) estão com semáforos apagados. Além disso, as estações Cesarão 1, Cesarão 2, Magarça, Ilha de Guaratiba, Recreio Shopping e Glaucio Gil estão sem energia por conta de interrupção de fornecimento da Light. A concessionária já foi notificada a efetuar os reparos. A Secretaria Municipal de Transportes enviou operadores de trânsito para a região.

Falta de luz. Queda de galhos sobre a rede de distribuição de energia elétrica deixa ruas de diversos bairros sem luz. Equipes da concessionária Light estão nas ruas para restabelecer o serviço.

Mais conteúdo sobre:
ClimachuvasRio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.