Quem tem medo de dona Lu?

Tutty Vasques escreve todos os dias no portal Estadao.com.br, de terça a sábado neste caderno e aos domingos no caderno Aliás

Tutty Vasques, O Estadao de S.Paulo

30 de agosto de 2008 | 00h00

Bobagem do Gilberto Kassab tentar improvisar a irmã na posição que Lu Alckmin atua na candidatura tucana. Se primeira-dama decidisse eleição, Marta Suplicy não teria a menor chance. Dona Sylvia também não pode ser desculpa para não votar no Maluf.Uma coisa é certa: candidata a primeira-dama não tira nem transfere votos para o cônjuge. Ou Ciro Gomes não teria perdido eleição para o Lula muito antes de Patrícia Pillar virar vilã do horário nobre.Se dona Lu fosse candidata a prefeita, seu marido também não ajudaria - nem teria como atrapalhar - sua campanha, mas, aí sim, faria sentido a preocupação de Gilberto Kassab com a coisa mais fofa da propaganda eleitoral na TV em São Paulo.CORONELZINHO DE SAIAComentário de um sujeitinho ordinário sobre a declaração de Marta Suplicy avisando que não é mulher de apanhar quieta: "São as melhores!" Ô, raça! VISIONÁRIO"I have a dream!"Roberto Medina, sobre o projeto de trazer o Rock in Rio para São PauloTEACHERA notícia de que ainda não está certa a transferência de Robinho para o Chelsea deixou Felipão arrasado. O craque brasileiro está escalado para ser seu primeiro aluno de inglês.Me engana que eu gostoO príncipe Harry quer ser mandado de volta ao Afeganistão. Diz que está com saudades da guerra contra os talebãs. Isso quer dizer o seguinte: aí tem! Pós-PortelinhaA Forbes elegeu a chanceler alemã Ângela Merkel a mulher mais poderosa do mundo. Os editores da revista decerto não conhecem Marília Gabriela, que ultimamente manda até no Antônio Fagundes. Só se fala disso em Portugal e nas ex-colônias lusitanas na África.Sem preconceitosSilvio Santos decidiu cancelar a volta do Ratinho ao SBT para investir no programa de Claudete Troiano. Pesou na decisão a necessidade de mostrar a Adriane Galisteu e a Hebe Camargo que ele não tem nada contra as louras.Emergência máximaO Congresso do Paraguai está há mais de um mês sem legislar. Ou seja, a liderança brasileira já se impõe pelo exemplo no Mercosul.Igual não háLula espera que o sucessor de Gilberto Gil na Cultura tenha a mesma agilidade do ex-ministro. Cá pra nós, depois da morte de Dorival Caymmi, vai ser difícil encontrar outro igual. Talvez só o João Gilberto mesmo.Duas medidasO clima é de revolta na Festa de Barretos. O peão boiadeiro que melhor pilotar um boi brabo vai ganhar uma caminhonete cabine dupla no valor de R$ 160 mil. A Stock Car pagará US$ 1 milhão a quem vencer amanhã o GP do Rio. Não é justo!

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.