Quitandeiro é assaltado, persegue ladrões e é morto

O comerciante Kimiko Morishita, de 57 anos, foi assassinado nesta terça-feira de manhã durante um assalto a sua quitanda, no Parque São Quirino, em Campinas, 95 quilômetros a noroeste de São Paulo.Ele levou quatro tiros do assaltante, que fugiu com um comparsa em um moto. Os ladrões não haviam sido localizados até a tarde desta terça-feira.Eles roubaram R$ 140 e 35 maços de cigarro.Um dos assaltantes entrou na quitanda, anunciou o assalto e fugiu a pé. Morishita decidiu segui-lo em seu carro, um Tempra, e viu o assaltante fugindo com o comparsa, que pilotava a moto. O quitandeiro chegou a derrubar os ladrões da moto, mas foi atingido por disparos.Os assaltantes ainda roubaram o Tempra do comerciante e o abandonaram a algumas quadras de onde Morishita foi morto, depois de uma colisão com um poste. Os bandidos continuaram a fugir na moto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.