Rapaz perde o dedo ao lançar bomba caseira em escola

A explosão de uma bomba caseira causou ferimentos na mão de um estudante de 17 anos, na Escola Estadual Risoleta Lopes Aranha, no bairro São Domingos, em Americana (SP). O rapaz, aluno da escola, jogou a bomba caseira dentro de uma sala de aula em reforma, ontem, por volta das 20 horas. O artefato rolou para o corredor e o adolescente pegou-o com a mão direita para jogá-lo novamente no interior da sala, mas a bomba explodiu em sua mão. Segundo a polícia, o rapaz teve um dos dedos amputados na explosão. Ele foi encaminhado para o Hospital Fundação Saúde do Município de Americana, onde ficou internado. O hospital divulgou que o jovem permanecia internado até a tarde de hoje, mas não revelou detalhes sobre o ferimento. Segundo a polícia, a diretoria informou que o adolescente já foi pego várias vezes portando bombas caseiras, mas nunca havia tentado explodí-las no interior da escola. Não houve danos ao prédio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.