Rapaz que ajudou baleada é enterrado

Parentes de Tatiana Ciasca, baleada durante um assalto na Vila Santa Catarina, na zona sul, pretendem fazer um agradecimento à família de Samuel Rodrigues, de 25, assassinado pelos bandidos ao tentar ajudar a advogada. Tatiana foi operada e transferida para um hospital particular, onde se recupera. "Ele era uma das raras almas caridosas que ainda ajudam o próximo", disse Adolfo Ciasca, pai da advogada. Rodrigues seria enterrado hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.