Rapazes confessam ter matado travesti a pauladas em SP

Tiago dos Santos Cavalcante, de 18anos, e M.R.G., de 17 anos, confessaram ter matado a pauladas o travesti Leonardo Moisés Sinzilo, de 29 anos, no dia 13 de dezembro de 2002, na Rua Araracanga, na Cidade A.E.Carvalho, na zona leste de São Paulo.Cavalcante foi preso na última sexta-feira e disseter cometido o crime com o amigo M.R.G., detido logo após o assassinato do travesti, conhecido como Natasha.Os dois conheciam a vítima e disseram que a intenção não era matá-la, apenas lhe dar uma surra, porque o travesti teria provocado os dois colegas. O delegado Marco Antônio Cipoli,titular do Distrito Policial de Cidade A.E. Carvalho, suspeita de que o crime tenha sido porintolerância.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.