Rebelados em Campo Grande libertam uma refém

Outros 76 são mantidos como reféns por 175 presos em rebelião no Mato Grosso do Sul

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

20 de abril de 2008 | 19h19

Os detentos rebelados do complexo penitenciário de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, liberaram por volta das 16 horas uma das 77 pessoas mantidas reféns dentro do presídio desde as 13 horas deste domingo, 20, segundo informações da polícia militar. O motim foi controlado e as negociações estão em curso. Ainda não há informações sobre as reivindicações dos presos. Veja também:Presos mantêm 76 reféns em prisão de Campo Grande O refém liberado é uma mulher e a polícia não soube informar qual o motivo para que ela fosse a única liberada pelos detentos. Os reféns, segundo a polícia são familiares dos detentos que estavam no local para o período das visitas, entre eles 66 são mulheres e 10 são homens. Um agente penitenciário também é mantido sob a mira dos detentos. Ao todo, 175 presos participam da rebelião, que teve início após uma fuga frustrada de cinco detentos. A polícia militar e a Tropa de Choque permanecem no local.

Mais conteúdo sobre:
Campo Granderebelião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.