Fernando Portto/Divulgação
Fernando Portto/Divulgação

Rebelião em presídio de Pernambuco deixa um morto e 13 feridos

Detento foi morto após motim em Santa Cruz do Capibaribe; tumulto foi controlado pela Polícia Militar com apoio de agentes penitenciários

O Estado de S.Paulo

21 Janeiro 2017 | 16h24

Detentos do Presídio de Santa Cruz do Capibaribe, no agreste de Pernambuco, promoveram um motim na manhã deste sábado, 21. De acordo com a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), a rebelião deixou um morto e 13 feridos. O tumulto já foi controlado, com a atuação da Polícia Militar e apoio de agentes penitenciários.

Ainda não há informação sobre os motivos do motim, iniciado às 6h e contido quatro horas depois. A Seres informou que abrirá uma sindicância para apurar o caso, mas a suspeita é que o tumulto foi iniciado durante revistas de rotina.

Enquanto os presos se rebelavam dentro do presídio, famílias buscavam informações e os ânimos se exaltaram do lado de fora. Na confusão, um policial militar foi ferido por uma pedrada.

O presídio de Santa Cruz do Capibaribe foi construído em 2015 com capacidade para 186 detentos em 22 celas. Atualmente, o local abriga 455 presos. /AGÊNCIA BRASIL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.