AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Rebelião na cadeia de Itapevi termina com presa morta

Durante um rebelião que não demorou mais que meia hora, no início da noite de domingo, na Cadeia Pública Feminina de Itapevi, na Região Metropolitana de São Paulo, uma detenta foi morta com golpes de faca. Para a polícia, uma delas deve ter aproveitado o tumulto para vingar-se da vítima. Por volta de 17h30 uma carcereira foi feita refém, enquanto um grupo de presidiárias tentava fugir. A rápida ação repressiva fez com que desistissem do intento e a funcionária foi libertada 15 minutos depois. Iniciou-se, então a rebelião, com as presas depredando instalações, móveis e objetos.Só no final do conflito, meia hora depois, descobriu-se que uma delas havia sido assassinada com golpes de faca. Feita a recontagem apurou-se que não houve fuga, mas a polícia ainda deverá instaurar inquérito para esclarecer a autoria desse homicídio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.