Rebelião no Rio deixou 30 mortos

A Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro divulgou nota nesta manhã sobre a rebelião na Casa de Custódia de Benfica, confirmando o número de 30 mortos, vítimas de conflitos entre facções criminosas rivais. A nota diz ainda que quatro dos 14 criminosos que fugiram foram recapturados. E também que a construção do presídio "obedeceu aos mais rigorosos padrões técnicos, inclusive testes de esforços e resistências de materiais em grades e paredes das celas realizados por centros de excelência das universidades." A secretaria informou que os indícios de falhas operacionais serão apurados com rigor. As obras de recuperação do prédio já foram iniciadas. Deverão ser instaladas câmeras de monitoramento e as guaritas serão blindadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.