Rebelo cobra medidas drásticas para combater crise aérea

O presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), cobrou do governo a adoção de medidas "drásticas" para resolver a crise no setor aeroportuário. Argumentou que o País não pode continuar nessa situação. "O governo deve adotar medidas drásticas para resolver a crise, porque o País não pode mais sustentar essa situação", declarou Rebelo, nesta quarta-feira, 6."O assunto já assumiu certa gravidade. A paralisia quase completa da aviação comercial atrapalha a vida do brasileiro, da economia, do País e das instituições", acrescentou. O deputado defendeu a permanência do ministro da Defesa, Waldir Pires, no cargo.A demissão de Pires fora pedida, mais cedo, em sessão do plenário da Câmara, pelo líder do PFL, deputado Rodrigo Maia (RJ). "O ministro Waldir Pires é capaz, tem experiência e está à altura de enfrentar esse desafio", afirmou o presidente da Câmara.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.