Recém-nascida morre após ser abandonada em saco plástico na Bahia

Mãe se sentiu mal após o parto, feito em casa, e foi para hospital; depois de receber alta, ela será presa

Priscila Trindade, Central de Notícias

30 de dezembro de 2010 | 12h34

SÃO PAULO - Uma recém-nascida morreu nesta quinta-feira, 30, após ter sido abandonada pela mãe em um terreno, na quarta, na cidade de Ipirá, no centro-norte da Bahia. A mulher de 29 anos, deu à luz a menina em casa e depois colocou a criança dentro de uma saco plástico e a deixou em um terreno vizinho.

 

Depois do parto, a mãe se sentiu mal e foi a um hospital. O médico que a atendeu notou sinais da realização de um parto e perguntou pela criança. Como a mãe não soube responder, ele acionou a polícia.

 

O bebê foi localizado e encaminhado a um hospital em Feira de Santana em estado grave e acabou morrendo nesta quinta. A mãe está no hospital municipal de Ipirá e, após receber alta médica, será presa. A mulher deve responder por abandono e infanticídio.

Tudo o que sabemos sobre:
abandono de menorBABahiaIpirá

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.