Recém-nascido é encontrado em saco plástico em Belém

Segundo a polícia, bebê foi jogado pela mãe por cima de um muro de quase dois metros de altura

Solange Spigliatti, Central de Notícias

27 de dezembro de 2010 | 13h45

Um recém-nascido foi encontrado no quintal de uma casa no bairro de Pedreira, periferia de Belém, no Pará, dentro de um saco plástico no dia de Natal. O bebê, de sexo masculino, foi levado por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao hospital pesando 2,2 quilos, com escoriações e hematomas no rosto e nas pernas.

 

Ele continua internado na Santa Casa do Pará, numa Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), e seu estado de saúde é estável. O bebê deve ficar em observação tomando antibióticos nos próximos 13 dias. Segundo a Gerência da Neonatologia, esse período é necessário devido ao desconhecimento do estado de saúde da mãe da criança.

A mulher apontada como mãe do recém-nascido também está internada no hospital para exames e acompanhamento psicológico. De acordo com a polícia, a criança, que ainda tinha o cordão umbilical, foi jogada pela mãe, também moradora do bairro, por cima de um muro de quase dois metros de altura. Um vizinho viu e fez a denúncia. O Conselho Tutelar esteve no local. 

 

Assim que receber alta do hospital, a mãe será chamada a depor e pode responder por tentativa de homicídio, pois há indícios de sufocamento da criança, segundo a polícia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.