Reestruturação da Anac vai demorar 15 dias, afirma Jobim

Ministro da Defesa se reúne com o presidente Lula na tarde desta segunda para definir rumos da agência

Tânia Monteiro, do Estadão,

27 Agosto 2007 | 12h31

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou que vai se reunir com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Palácio do Planalto, na tarde desta segunda-feira, 27. Eles vão discutir questões ligadas à reestruturação da Agência nacional de Aviação Civil (Anac) e substituição da diretora Denise Abreu, que pediu demissão na última sexta-feira. Segundo o ministro, a reestruturação da Anac vai demorar 15 dias. Jobim falou aos jornalistas no trajeto a pé entre o Ministério da Defesa e o Comando da Aeronáutica, onde será condecorado e almoçará com o Alto Comando. A reestruturação inclui a criação da Secretaria de Aviação Civil, que será também a secretaria-executiva do Conselho de Aviação Civil (Conac)e que ficará encarregada de cobrar ações do setor aéreo. Na avaliação do ministro não é possível esperar a reestruturação da Anac para fazer a substituição de Denise Abreu, porque ficaria um vácuo até a definição da nova estrutura. Sem deixar claro se estava pensando em outra substituição, além de Denise, na Anac, Jobim disse que vai estudar uma série de opções. "A idéia é fundamentar os critérios. Vamos ver alguém especialista em regulação e alguém outro, especialista em aviação", disse o ministro. "Há de se encontrar alguém que tenha esse viés complementar". O ministro informou ainda que vai ao Haiti nos dias 4, 5 e 6 de setembro e que as decisões em relação a Anac só serão tomadas depois do feriado de 7 de setembro. Sobre a possibilidade de usar o início do processo de investigação administrativa para afastar os demais diretores da Agência, Jobim recomendou cautela: "vamos devagar". O ministro negou que estava indo ao Comando da Aeronáutica discutir a questão dos controladores de vôo e que disse nem vai tratar no momento sobre a desmilitarização, justificando que isso é um debate ideológico. "Quero saber o que funciona e como funciona e se está funcionando". Perguntado se o sistema está funcionando a contento, respondeu: tem funcionado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.