Refeitório da UFBA é interditado após 87 passarem mal

Vistoria identificou 'problemas estruturais', como 'inoperância das câmaras de refrigeração e acondicionamento irregular de alimentos'

TIAGO DÉCIMO, O Estado de S. Paulo

10 Outubro 2014 | 19h28

SALVADOR - O restaurante universitário do campus Ondina da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador, foi interditado, na tarde desta sexta-feira, 10, pela Vigilância Sanitária. O órgão realizou uma vistoria no refeitório durante a manhã, após 87 estudantes, que se alimentaram no local na quinta-feira, apresentarem quadro de intoxicação alimentar.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que a vistoria apontou "problemas estruturais", como "inoperância das câmaras de refrigeração e acondicionamento irregular de alimentos", além de "inexistência de boas práticas" no serviço oferecido pela empresa Best Meal, contratada no fim do ano passado para servir as refeições no local.

Segundo a Vigilância Sanitária, materiais e alimentos foram recolhidos para análise e a interdição do local vai durar "até que sejam corrigidas as irregularidades" apontadas pela inspeção. A direção da UFBA e a empresa Best Meal ainda não se pronunciaram sobre o caso.

Mais conteúdo sobre:
UFBABahiaVigilância Sanitária

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.