Reforma do Cristo começa em janeiro

O cardeal arcebispo do Rio, d. Eusébio Oscar Scheid, e o secretário de Esportes e Lazer, Eduardo Paes, assinaram ontem convênio para reformar o Cristo Redentor. A obra, prevista para ser iniciada em janeiro e estimada em R$ 1,7 milhão, ainda não passou por nenhuma licitação. A maior parte do investimento será em obras de impermeabilização no corpo da imagem e colocação de um revestimento externo na cabeça. O piso também deve passar por restauração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.