Regina Duarte diz que quer defender a cidade

A atriz Regina Duarte disse hojeque foi, em nome de uma comissão de moradores dos Jardins, zonasul de São Paulo, pedir à prefeita Marta Suplicy (PT) que nãopermita a construção de um edifício no corredor da Rua EstadosUnidos. Segundo Regina, o projeto do prédio prevê 21 andares, enão 16, e é irregular, pois viola a Lei 8.001, que crioucorredores de preservação nos Jardins. "Não se trata da preocupação pequeno-burguesa de umaatriz com a sua vista, como a construtora Quota quer fazerparecer. Meu interesse é defender a cidade." Ela afirmou aindaque, ao se engajar na luta contra o projeto, quis defender umpatrimônio tombado pelo Conselho de Defesa do PatrimônioHistórico, Artístico, Arqueológico e Turístico (Condephaat)."Os Jardins são o pulmão da cidade, um bem de todos. Moro etrabalho em São Paulo e quero qualidade de vida. Se eu quiservista, vou para minha casa de campo." Para o arquiteto Roberto Saruê, presidente interino doMovimento Defenda São Paulo e diretor da Sociedade Amigos dosJardins Europa e Paulistano, o projeto é irregular e não podeser aprovado. "Ele invade a faixa de proteção de 40 metros,onde só se pode construir edifícios de dois pavimentos."Segundo Regina, a alegação da construtora de que a entrada doprédio será pela lateral, na Avenida Joaquim Eugênio de Lima, ésó "um artifício". Segundo Saruê, a aprovação do empreendimento abreprecedente grave para a cidade, pois permitiria a alteração deoutros corredores dos Jardins, como as Avenidas República doLíbano e Brasil. "Isso nós não vamos permitir."

Agencia Estado,

18 de janeiro de 2003 | 19h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.