Registrada a 11ª chacina do ano em SP

Foi registrada, na noite de ontem, a 11ª chacina do ano na região metropolitana de São Paulo, contabilizando 40 mortes em crimes deste tipo até o momento. Por volta das 20h30, um homem, com uma pistola calibre 380, invadiu uma residência na Viela São Paulo, ao lado da Favela da Paz, próximo ao autódromo de Interlagos, em Cidade Dutra, zona sul da capital. O desconhecido matou a cozinheira Maria de Lúcia Gomes Pereira, de 48 anos, que dormia no quarto, o marido dela e metalúrgico, Samuel Martins Diniz, 40, na sala da casa, e o primo de Maria, o ajudante-geral Aloísio Gomes da Silva, 33, encontrado morto ao lado de Samuel.Um parente das vítimas, identificado apenas como Adolfo, havia acabado de voltar de uma igreja e, ao entrar na casa, encontrou as vítimas mortas, com tiros na cabeça e no peito. Policiais militares da 3ª Companhia do 27º Batalhão foram acionados e encaminharam os dados ao 48º Distrito Policial, de Cidade Dutra. O delegado João Aparecido da Costa ainda não tem pistas sobre o atirador. Vizinhos e parentes das vítimas não souberam explicar à polícia o que poderia ter motivado o triplo homicídio. A última chacina deste ano ocorreu no dia 20, em Itapevi, na grande São Paulo, deixando três jovens mortos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.