Reintegração de posse em São José causa confronto com PM

Manifestantes do bairro Pinheirinho chegaram a bloquear totalmente o tráfego da rodovia Dutra

Solange Spigliatti e Gerson Monteiro, estadão.com.br

22 Janeiro 2012 | 11h16

Atualizado às 15h10.

 

SÃO PAULO - O trecho da Rodovia Presidente Dutra, em São José dos Campos, no interior de São Paulo, sentido Rio, foi totalmente liberado ao tráfego às 14h45. As duas faixas de rolamento e o acostamento foram totalmente interditados no começo da tarde de hoje, por cerca de 300 pessoas contrárias à desocupação do acampamento Pinheirinho, na zona sul da cidade, na manhã deste domingo. 

A Polícia Militar iniciou na manhã de hoje a reintegração de posse do acampamento para cumprir uma ordem emitida pela juíza Maria Loureiro. Cerca de 9 mil pessoas vivem na comunidade.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região, que atua em defesa dos ocupantes do Pinheirinho, a PM chegou ao local às 6 horas com cerca de 2 mil homens. Os moradores resistiram a deixar o local, tentando impedir a entrada dos policiais no acampamento. Em razão da resistência, os policiais usaram munição não letal para dispersar as pessoas.

Um morador da ocupação foi ferido e está internado em estado no Hospital Municipal da vila Industrial. Segundo a prefeitura, ele passou por cirurgia. Seu estado é estável e ele está consciente. De acordo com a prefeitura, a família pediu para não divulgar outras informações sobre a vítima.

As famílias que ocuparam a área estão sendo atendidas em um centro de triagem, improvisado em um campo de futebol, em frente ao acampamento. Segundo a prefeitura, cerca de 150 famílias já foram atendidas. A polícia informa que está indo de casa em casa entregando um número de identificação, colocado em frente à residência, para ser identificada daqui dois dias, quando os móveis serão retirados. Uma base da Polícia Militar também foi montada em frente ao assentamento, onde também está uma estrutura para a imprensa.

 

Ataque. Um carro link da emissora TV Vanguarda foi incendiado na manhã de hoje. Homens encapuzados jogaram gasolina no veículo e atearam fogo, por volta das 9h30. Ninguém se feriu. 

Mais conteúdo sobre:
Pinheirinho PM sem-teto

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.