Religioso é preso por estupro

Procurado por estupro e tentativa de estupro contra quatro meninas de 9 a 13 anos em Araçatuba, a 545 km de São Paulo, o aposentado Amadeo Domingues, diácono da Igreja Assembleia de Deus Independente, foi preso ontem quando tentava fugir de ônibus para a capital. Domingues fugiu na segunda-feira depois que o pai de uma das vítimas, o motorista Rogério Pereira Alves, o flagrou molestando a filha em sua própria casa, vizinha à de Domingues. "Tentei segurar, mas ele escapou porque tive de prestar socorro à minha filha." Domingues confessou ter molestado a garota, mas negou outros abusos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.